Deputado Anderson do Singeperon - Sua voz no Parlamento

Servidores e sindicalistas recebem voto de louvor por trabalho pela transposição

Sessão solene do deputado Anderson do Singeperon foi marcada pelas palavras conquista e economia

Por Assessoria de Comunicação Social dia em Notícias

Servidores e sindicalistas recebem voto de louvor por trabalho pela transposição
  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter

O deputado Anderson do Singeperon (Pros) realizou na manhã desta quinta-feira (17), sessão solene para a entrega de voto de louvor aos representantes de entidades sindicais e associações atuantes no processo da transposição dos servidores públicos do Estado.

Segundo Anderson, estes homenageados compuseram a Comissão Intersindical com a finalidade de coordenar os representantes das entidades sindicais e associações, tendo em vista o enorme número de entidades de classe e da sociedade civil envolvidos.

Inicialmente foi composta por cinco membros dos sindicatos dos servidores do Ministério Público, Poder Judiciário, Grupo Fisco, dos motoristas profissionais e dos Trabalhadores em Educação de Rondônia que foi sendo somado outros, chegando a 22 servidores, que receberão a homenagem pela contribuição durante todo o processo da transposição.

O deputado Anderson salientou o esforço de muitos para que os processos da transposição acontecessem. Relembrou a história da transposição, que teve início dentro da Polícia Militar, onde, segundo o parlamentar, quando os sindicatos se engajaram foram ridicularizados afirmando que muitos estavam indo passear em Brasília.

O parlamentar disse que a transposição desceu garganta abaixo do governo federal e que estão fazendo de tudo para atrasar os processos e ganhar tempo. “Sinto-me um mero instrumento que hoje presta esta singela homenagem para relembrar esta bela história para que fique registrado para sempre”, disse Anderson.

O ex-presidente do Sinjur e coordenador do Intersindical, Israel Borges, disse que nada do que aconteceu teria sido possível sem a força e a garra do movimento sindical de Rondônia, que tornou este sonho em realidade e levando justiça aos servidores.

O advogado dos servidores públicos, Diego Vasconcelos, relatou a história de toda a montagem do processo, que começou com descrédito, passou de sonho para uma possível perspectiva até chegar e se tornar uma Emenda Constitucional. Salientou que a homenagem é parte da história de cada um, que se empenhou e construiu o caminho desta conquista.

O ex-senador Expedito Júnior disse que esta foi a maior união que Rondônia realizou, a que foi feita pelo movimento sindical. A votação só foi realidade pelo trabalho em conjunto, pela pressão, pela insistência. Salientou que a transposição não teve bandeira partidária, pois uniu os políticos pelo bem comum. Parabenizou o deputado Anderson por propor a justa homenagem.

Anderson lembrou que ninguém sabe a importância da transposição para o Estado de Rondônia. Para ele, a palavra é economia. Em um período de crise Rondônia está transpondo servidores e economizando dinheiro e ainda entrando mais dinheiro, através de salários melhores.

O presidente do Sindler, Rubens Luz, também relatou sua história de engajamento ao movimento e destacou a economia para o Estado e ao Iperon. “Parabéns colegas, este é um dia muito feliz para todos”.

O procurador do Estado, Luciano Alves, disse que o processo da transposição o fez ter um novo alento, um novo gás em sua carreira, “me faz sentir parte do time indo a Brasília, lutar junto com todos os sindicatos”. Para ele o movimento nasceu da base sindical e o governo teve de correr para aderir.

Luciano informou que já foram transpostos 3.708 servidores, que representa R$ 11,7 milhões de economia mensal. Há portaria para mais 1.853 para serem transpostos e outros 1.668 a serem analisados aguardando portaria. “Com todos sendo transpostos a economia chegará a R$ 22 milhões mensais”.

Disse ainda que assim que for votada a nova Medida Provisória 817 mais cinco mil servidores serão transpostos, e destes mil já estão aposentados. “A maior parte dos servidores em fim de carreira teve aumento de salário e auxiliaram na economia e crescimento do Estado”, finalizou o procurador parabenizando a todos.

O secretário da Sejus, Adriano Castro, parabenizou os servidores pela luta e conquistas, relembrando os fatos e curiosidades do processo.

O secretário da Casa Civil, representando o governo do Estado, Eurípedes Miranda, lamentou a ausência do governador Daniel Pereira (PSB) que foi um batalhador pela transposição. Lembrou da ação do governador junto a ministra Carmem Lúcia para manter policiais militares que estavam sendo devolvidos, garantindo os direitos destes servidores.

O deputado Anderson entregou aos homenageados o diploma de voto de louvor individual e aos sindicatos participantes do movimento pela transposição encerrando a sessão solene.

ALE/RO - DECOM - Geovani Berno | Foto: Gilmar de Jesus
  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter

Deixe seu comentário aqui: