Deputado Anderson do Singeperon - Sua voz no Parlamento

NOTA DE ESCLARECIMENTO SOBRE O FECHAMENTO DA UNIDADE SOCIOEDUCATIVA DE ROLIM DE MOURA

Anderson faz questão de esclarecer que sempre foi um defensor da permanência das unidades socioeducativas de Rolim de Moura e Cacoal, por serem polos grandes e que recebem demandas diversas de menores infratores de várias regiões do Estado.

Por Assessoria de Comunicação Social dia em Notícias

NOTA DE ESCLARECIMENTO SOBRE O FECHAMENTO DA UNIDADE SOCIOEDUCATIVA DE ROLIM DE MOURA
  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter

O deputado estadual Anderson do Singeperon (Pros) vem a público esclarecer que ao usar a tribuna da Assembleia Legislativa, na tarde desta terça-feira, dia 04, para se manifestar a respeito do projeto governamental que prevê o possível fechamento da Unidade Socioeducativa de Rolim de Moura e a transferência dos internos para a unidade do município de Cacoal, não defendeu o fechamento de nenhuma das duas unidades citadas, muito pelo contrário, defendeu a permanência e funcionamento de ambas.

“Como é que o Estado quer fechar a unidade de Rolim de Moura para mandar os menores para uma unidade que também não tem estrutura. Até concordo que fechasse alguma unidade, desde que tivéssemos uma unidade polo com uma estrutura muito boa, como aconteceu em Ji-Paraná”, disse o parlamentar.

Anderson faz questão de esclarecer que sempre foi um defensor da permanência das unidades socioeducativas de Rolim de Moura e Cacoal, por serem polos grandes e que recebem demandas diversas de menores infratores de várias regiões do Estado.

“Se fechar uma unidade dessas para jogar a demanda para outra com pouca estrutura também, vai inchar e o trabalho que tem que ser feito de ressocialização não vai acontecer, vai ficar prejudicado”, afirmou.

O deputado Anderson do Singeperon finaliza deixando claro o seu posicionamento à respeito do assunto e garante que não medirá esforços para que as duas unidades continuem em pleno funcionamento e, que inclusive, recebem melhorias em suas estruturas, os servidores sejam mantidos e população atendida.

 

Assessoria

 

  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter

Deixe seu comentário aqui: