Deputado Anderson do Singeperon - Sua voz no Parlamento

Anderson do Singeperon parabeniza Sinsdet por luta sindical

Parlamentar ressaltou que prazo de negociação com agentes penitenciários e governo esgotou na terça-feira

Por Assessoria de Comunicação Social dia em Notícias

Anderson do Singeperon parabeniza Sinsdet por luta sindical
  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter


O deputado Anderson do Singeperon (PV) iniciou seu pronunciamento na sessão plenária de terça-feira (1º) parabenizando o trabalho do presidente do Sindicato dos Servidores do Detran (Sinsdet), Adonias Rodrigues que, segundo o parlamentar, mesmo à frente do sindicato recentemente, já demonstra representar os servidores com dedicação e comprometimento na briga pela isonomia da classe.

“Espero que ele mantenha essa luta, sempre se mobilizando para que o Governo possa atender as negociações do sindicato. Sabemos o quanto é difícil, já levantei muita bandeira na minha atuação sindical, onde muitas vezes nos sentimos sem força, porém, vale lembrar que nossa força está em cada uma de nossas categorias”, declarou o deputado.

O parlamentar disse que o Estado pode contar com seu apoio a todo projeto do Executivo encaminhado à Assembleia Legislativa, que traga benefícios ao servidor público estadual, “porque se trouxer prejuízo a gente segura, altera, acrescenta emenda e se for negociado com os sindicatos a gente aprova”, afirmou Anderson do Singeperon.

Agentes penitenciários

O deputado informou que o prazo estipulado pelo Governo em negociação com a classe de agentes penitenciários encerrou na terça-feira (1º). Segundo o parlamentar, após reunião na Casa Civil, o Executivo, visando intermediar a negociação, se comprometeu a protocolar no Tribunal de Justiça (TJ), uma ação cautelar que impediu um movimento grevista no sistema prisional socioeducativo.

“Essa proposta será homologada no judiciário juntamente com o sindicato. Ainda não tivemos acesso à proposta, porque estava na Procuradoria para análise e parecer, mas eu espero que o Governo tenha o bom senso de fazer o melhor por esses servidores, que têm trabalhado com muita dificuldade e mantendo a segurança dos presídios”, explicou o deputado.

Para o parlamentar, o gestor precisa ter a consciência de que, só se melhora o serviço público com a valorização do servidor, do profissional.

“É melhorando sua autoestima, capacitando-o, dando continuidade nessa capacitação. Esperamos que o governo faça isso e não somente com uma classe ou duas classes, mas com todas que estão em suas lutas e as quais acompanhamos. Greve de qualquer categoria é ruim para a sociedade, para o trabalhador, ruim para todo mundo, por isso priorizamos o melhor diálogo”, frisou Anderson.

Segurança

O deputado informou que recebeu, por meio de mensagem via WhatsApp, denúncias referentes a uma possível guerra de facções rivais dentro da Colônia Penal Agrícola, que estaria colocando em risco a vida de agentes penitenciários que trabalham na unidade.

“Eu e os demais deputados que compõem a Comissão de Segurança Pública agendaremos uma visita ao local, para constatar a veracidade das informações repassadas, que apontam a precariedade estrutural das condições de trabalho oferecidas aos servidores como falta de munição, armamento e efetivo dentro de um ambiente com mais de 400 presos amontoados em um galpão”, concluiu o deputado. 

ALE/RO - DECOM - Juliana Martins
Foto: Ana Célia

  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter

Deixe seu comentário aqui: